Casos de cálculo renal crescem 30% no verão

0
Compartilhe.

Principais sintomas: Dores locais: costas, flanco (um lado da parede abdominal), no abdômen, parte lateral do corpo ou testículo

Tipos de dor: aguda, indistinta, súbita no abdômen, forte ou leve

Dores circunstanciais: devido a pedras nos rins, durante a micção ou à noite

No trato urinário: desejo persistente de urinar, micção excessiva, micção frequente ou sangue na urina

No aparelho gastrointestinal: náusea ou vômito

No corpo: calafrios ou suor

Também é comum: sensação de queimação

Tratamentos: O tratamento é feito por meio do uso de fluidos e medicamentos para retenção urinária

O tratamento inclui analgésicos e ingestão de muita água para ajudar a expelir a pedra. Procedimentos médicos podem ser necessários para remover ou quebrar as pedras maiores.

Cuidados médicos: Bicarbonato e Aumento da ingestão de líquidos

Medicamentos: Medicamento para retenção urinária, Anti-inflamatórios não esteroides e Diurético

Procedimento médico: Terapia extracorpórea por ondas de choque, Litotripsia a laser e Litotripsia.

* Com informações e orientações do Dr Lessandro Curcio Gonçalves, Urologista do hospital Federal de Ipanema , vice presidente da Sociedade Brasileira de Urologia RJ, especialista em cirurgia robótica e membro da Associação Americana e Europeia de Urologia.

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 07/01/2020

Casos de cálculo renal crescem 30% no verão, in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 7/01/2020, https://www.ecodebate.com.br/2020/01/07/casos-de-calculo-renal-crescem-30-no-verao/.

Sobre o Autor

Deixe um comentário