Hino às Itabiras de Minas Gerais

WhatsApp Pinterest LinkedIn +

Homero Homem*

Ah, ferrinho moreno das Gerais.

Teus Buracos de Serra

Dão a volta ao céu,

Tornam à terra.

Em forma de perfil cortam o mar.

Disfarçados em fuscas e carlingas,

Rolam 2/4 tempos pelo asfalto,

Decolam rumo a Tóquio,

via Orly.

Ah, Minas Gerais,

exportas tanto.

não tem sequer um cais.

Não sei se diga – Chega!

ou – Exporta mais!

Quadrilátero de ferro das Gerais,

obrigado, pelo filho que nos deste.

obrigado, Itabira de Drummond

cujo o peito de ferro já se esvai.

Tirante tua gente e seu labor,

Rei Drummond de Itabira, descansai.

Rei Drummond de Itabira (Acervos O Globo e Fotos Antigas de Itabira, no destaque)

*Homero Homem de Siqueira Cavalcanti (1921-1991), escritor norte-rio-grandense.
Compartilhe.

Sobre o Autor

Deixe um comentário