Navegando em: Poesia

Poesia
Incólume
0

Marina Procópio de Oliveira* Estou seca. De dentro de mim já não verte o sangue que alimentava os…

Poesia
Ah, gato!
0

Marina Procópio de Oliveira* Meus olhos, caninos, te imploram mas você, gato, brincando em cima do muro, me despreza,…

Poesia
Confissão
0

Marina Procópio de Oliveira* Nunca fui Amada. O filme, jamais visto, obsediava minha mente, fazendo-me crer, tonta, na promessa…

Poesia
Fora do alvo
0

Marina Procópio de Oliveira* Mas, afinal, que mal há em desperdiçar a vida? Não está aí a vida…

Poesia
Mal-estar
0

Marina Procópio de Oliveira* Minha pele de cordeiro esconde um lobo que é o senhor de seu território, dominado…

Poesia
Aracnídeo
1

Marina Procópio de Oliveira* Invadiu meu território uma aranha, negra e suicida. Ela, animal selvagem, Eu, humanamente polida. Ela,…

Poesia
Marcapasso
2

Marina Procópio de Oliveira*  (pro meu pai) Seu coração é do tempo de longínquas guerras. Os homens eram inocentes…

Poesia
Ode à alopatia
5

Marina Procópio de Oliveira* Para bronquite, Seretide. Pro seu nariz, Avamys. Se é insônia, Rivotril. Tá ansioso, tome Olcadil.…