Aulas na rede municipal de ensino em Itabira começam na segunda-feira (8) ainda com aprendizagem remota

WhatsApp Pinterest LinkedIn +

As aulas na rede municipal de ensino de Itabira terão início na segunda-feira (8), ainda no formato remoto, como tem ocorrido desde o início da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no estado e município.

Já na próxima segunda-feira (1), os professores iniciam os trabalhos de planejamento escolar. A informação é da secretária municipal de Educação, Luziene Lage, que se reuniu nessa quarta-feira (27), com diretores e coordenadores da rede municipal. O encontro contou com a participação do prefeito Marco Antônio Lage (PSB).

Aulas híbridas

A Secretaria Municipal de Educação (SME) planeja dar início a um novo formato com aulas hibridas, presenciais e remotas, mas só quando Itabira ingressar na onda verde pelo programa Minas Consciente.

Além disso, para isso acontecer, terão de ser imunizados os professores, serventes, cantineiras e demais funcionários das escolas municipais, como também os motoristas do transporte escolar.

Portanto, ainda não se tem uma data definida para dar início a esse modelo híbrido no município, enfatizou a secretária de Educação na reunião com diretores e coordenadores escolares.

Por esse modelo híbrido, assim que for implantado, haverá rodízio de alunos nas escolas durante a semana. O número de alunos nas aulas presenciais será definido de acordo com o tamanho das salas.

E todos terão que cumprir rigorosamente os protocolos sanitários, com o necessário distanciamento, uso obrigatório de máscara e higienização frequente das mãos.

Assim que implantado o modelo híbrido, metade dos alunos terão aulas presenciais em uma semana, enquanto os demais estudam remotamente em domicílio.

Na semana seguinte, os que ficaram em casa voltam à sala de aula para não perderem o contato direto com a escola, colegas e professores.

Mas para as aulas remotas ocorrerem sem prejuízo ao aprendizado, é preciso que a Prefeitura ofereça aos alunos uma rede eficiente de internet em casa, como foi promessa de campanha do prefeito.

Isso, além de computadores, de preferência de mesa, para não ser levado para a rua, sem que o aluno saia do necessário isolamento domiciliar, mantendo-se também no distanciamento social

No destaque, diretores e coordenadores escolares em reunião na Secretaria Municipal de Educação (Foto: Divulgação)

Compartilhe.

Sobre o Autor

Deixe um comentário