Artistas e produtores culturais já podem se inscrever para o Festival de Inverno de Itabira  para acontecer entre 15 e 31 de julho

WhatsApp Pinterest LinkedIn +

 Já se encontra no site da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) o edital de seleção artística para o 47º Festival de Inverno de Itabira. Clique aqui para acessar o edital e o formulário do festival.

Projetos artísticos podem ser encaminhados até 4 de junho (sexta). Serão contratados, preferencialmente, artistas Itabiranos.

Para a seleção, via edital, não é preciso enviar documentação física, já que as inscrições serão feitas pela internet.

Para se inscreverem, produtores, artistas e grupos culturais devem preencher um formulário também online, anexando a documentação exigida (digitalizada e em formato PDF), além dos materiais de comprovação de cada projeto de acordo com as regras do edital.

O envio desses materiais de comprovação (fotos, músicas e vídeos) deve ser por serviços de compartilhamento de arquivos (Google Drive, DropBox e WeTransfer). Essas plataformas geram um link que deve ser informado no momento da inscrição.

Seleção

Podem se inscrever profissionais da cultura, pessoa jurídica ou Microempreendedor Individual (MEI), pessoa física, nacional ou estrangeira, desde que residente no Brasil ou que exerça suas atividades regularmente, individualmente ou em grupo.

Fortalecimento da cultura local

O 47º Festival de Inverno de Itabira vai acontecer entre os dias 15 e 31 julho, com o propósito de fortalecer o setor cultural no município, em formatos que permitem a sua realização mesmo em tempos de pandemia.

Terá como eixos três significados:

1- O Lugar Biológico, referindo-se ao processo de pertencimento e preservação   – Nossa Aldeia (Onde está a Cultura);

2-        O Lugar Antropológico, referindo-se às diversas manifestações culturais, e como se dão os envolvimentos sociais no desenvolvimento cultural – (Quem são os atores culturais);

3-        O Lugar Concreto, referindo-se aos significados artísticos relativos aos produtos culturais e às coisas (difundir artes, músicas, espetáculos, poesias, entre outros produtos da cena artística itabirana).

Foto: Reprodução/Divulgação

 


 

Compartilhe.

Sobre o Autor

Deixe um comentário