Sem ingressos para o show de Alceu Valença, no domingo, populares se revoltam na porta do Centro Cultural

2
Compartilhe.

Em um festival de inverno espremido, com poucas atrações numa cidade que praticamente não tem opções culturais, os ingressos para o show de Alceu Valença, no domingo (29), esgotaram-se rapidamente, com distribuição de pouco mais de 2,2 mil. O show vai ser na concha acústica, no Pico do Amor.

Público aglomerou nesta sexta-feira na porta do Centro Cultural a procura de ingressos para o show de Alceu Valença, já esgotados (Foto: Vinicius Barcelos/Internet e Divulgação)

De acordo com o que divulgou a Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA), a distribuição dos ingressos teve início na quinta-feira (26). Nesse mesmo dia, mais de 1,5 mil ingressos foram distribuídos, com cada ingresso sendo trocado por um litro de leite.

Com a grande procura no primeiro dia, foi determinada a suspensão da distribuição, para que fosse retornada nesta sexta-feira. O resultado foi uma multidão que se aglomerou na porta da fundação, na vã tentativa de se conseguir um ingresso.

A revolta é grande – e persiste na cidade. “Eu quero meu ingresso, o show está sendo pago com o meu dinheiro”, protestou uma irada estudante. Segundo conta, ela esteve ontem na fundação, no horário marcado para a distribuição dos ingressos, mas já havia sido suspensa. Retornou novamente nesta sexta-feira, pela manhã, e já não havia mais ingressos. “Eu soube de gente que conseguiu ingressos depois de 14h”, protesta.

Revolta é grande e as acusações de favorecimento foram recorrentes

“É um desrespeito ao público, é corrupção. Aposto que os parentes do prefeito e dos secretários conseguiram ingressos”, acusa um professor, que pede para não divulgar o seu nome.

“Por que não transferem o show para a praça do Areão, onde cabe todo mundo?”, sugere uma comerciante, que disse ter conseguido um ingresso na quinta-feira, que irá repassar para a filha. “Retornei hoje, já não havia mais ingressos.”

Explicações

Segundo a assessoria de imprensa da FCCDA, não há como transferir o show para a praça do Areão, embora reconheça ter sido subestimada a procura por ingressos. A opção pelo show na concha acústica teria sido por uma questão de custo, uma vez que no local já existe uma infraestrutura com palco coberto e arquibancadas. Diz também que não houve discriminação na distribuição de ingressos, que já estão esgotados.

Em nota distribuída à imprensa, a FCCDA lamenta pelo transtorno. Justifica o limite de ingressos como determinação do Corpo de Bombeiros, para garantir a segurança do público no local.

E a revolta continua.

Outros shows

Além do show de Alceu Valença, o encerramento do 44º Festival de Inverno, no domingo (29) terá apresentação do grupo parafolclórico Tumbaitá, Trio Conceição e Alceu Valença.

Ressalta ainda que o festival tem outras atracões, como os shows das bandas Os Gigantes, Romário Araújo, Katumbi e Rivotrio, no Paredão da Rua Tiradentes, nesta  sexta-feira, 27.

Já no sábado (28), as atrações são Jack no Bico e Banda Amos, também na Concha Acústica. Para esses espetáculos não há necessidade de ingressos, porém, com entrada limitada à capacidade do local.

 

Sobre o Autor

2 Comentários

Deixe um comentário