Faxina: O grande portal da vida

1
Compartilhe.

Rafael Jasovich*

Hoje comecei o dia (01.01) tirando tudo das gavetas e armários do meu escritório (que fica em casa) para filtrar o que fica e o que sai.
Aqui, tenho ferramentas de trabalho, recordações, presentes, certificados… logo, foi uma viagem no tempo remexer tudo isso.

Voltei a ter 15 de idade e me conectei com a pureza das cartas trocadas, saudades sentidas e ilusões vividas.
Quando cheguei aos 18 anos de idade, ri muito com as agendas da época, repletas de segredos, promessas, encontros e desencontros
Carteira da Universidade, notas das matérias aprovadas, fotos com colegas, paqueras insistentes e desilusões suportáveis.

A partir dos 25 anos de idade me parece que o filme começou acelerar e não parou mais. Foram mais encontros e desencontros, lágrimas, conquistas e uma busca incansável por respostas.
Teve rompimentos, aprendizados, amizades desfeitas, dança, perdão, religião e muitos questionamentos.

Até aqui…muitas reuniões e doutrinações que não se conversam, mas se completam, muitos amigos, dois casamentos, filhos, netos, muitas viagens e sonhos que compõe este cara de mais de 70 anos de idade.

Querer resgatar um pouco da minha história, me fez perceber quantos Rafaeis eu fui e ainda sou.
Visitando o passado consegui me encontrar mais claro no presente.

Foram algumas horas que ilustraram uma vida.
Uma vida…ainda vivida.
Com mais maturidade, gingado e vontade.
Com menos filtros e mais amor.
Com menos tempo, mas… muita luta.

*Rafael Jasovich é jornalista e advogado, membro da Anistia Internacional

 

 

 

Sobre o Autor

1 comentário

  1. Cristina Silveira, Sem Esperanza em

    também faxinei minhas “coisas” e pensava numa faxina que não posso fazer sozinha, fazer vazar a brutal presidência da República.

Deixe um comentário