Discurso de posse vira compromisso com o cidadão para guardar e ser cobrado se preciso for, propôs Marco Antônio Lage

WhatsApp Pinterest LinkedIn +

Impecável em seu terno black-tie, trajando uma gravata borboleta vermelha, e ao lado de sua mulher Raquell Guimarães, também elegante em seu vestido verde, que pode representar a esperança de muitos eleitores por uma cidade melhor, tomou posse na tarde dessa sexta-feira (1), o novo prefeito de Itabira, Marco Antônio Lage (PSB), juntamente com o seu vice Marco Antônio Gomes (PL), em solenidade no Centro Cultural.

Raquell Guimarães disse que estará ao lado de seu marido para enfrentar os tubarões. “Somos MAR, M de Marco, A de Antônio e R de Raquel. Tubarões não engolem o mar”, discursou na posse do marido prefeito (Fotos: Carlos Cruz)

Antes foram empossados os 17 vereadores, que elegeram a nova mesa diretora da Câmara Municipal.

A eleição foi por unanimidade, com votos, inclusive, dos vereadores que apoiaram a frustrada tentativa de reeleição do ex-prefeito Ronaldo Magalhães (PTB).

O ex-líder da minguada oposição na gestão passada, vereador Weverton “Vetão” Andrade (PSB), foi eleito presidente da Câmara Municipal de Itabira para o biênio 2021-22.

Benção

Sob a benção de seu falecido pai, o ex-vereador Harcy Lage, Marco Antônio agradeceu os 33.141  mil votos que o sufragaram nas urnas no dia 15 de novembro.

“Honrarei o meu pai, que depois de deixar o legado que deixou, sonhou fazer seu sucessor. Com muita humildade, senhor Harcy, aqui estou eu, seu filho, Marco Antônio, por Itabira, por Minas Gerais, pelo Brasil e por um planeta Terra sustentável. Peço a sua bênção. E foi esta palma divina com seu dedo indicador que apontou para nós e disse: “Sois vós, Marcos Antônios, Lage e Gomes, vós mesmos, Marcos, que irão reconstruir a terra que tanto sofreu e que agora irá mudar de rumo”, registrou o novo prefeito de Itabira.

Em seu longo longo discurso, carregado de emoções e de simbolismos, algumas superstições e crenças em soluções milagrosas, como se fosse um novo “salvador da cidade”, Marco Antônio reafirmou compromissos de campanha – e pediu para que a Carta-compromisso com o Cidadão, que ele leu, seja guardada como documento particular, um guia de ações para o período em que ele governar a cidade.

“É para cobrar, se necessário”, disse. “Vamos pontuar o seu direcionamento para que caso queira possa copiar e se necessário cobrar. Jamais sairemos dos trilhos aqui traçados”, disse ele, assegurando que são compromissos e resultados de “nossas conversas mantidas durante toda a trajetória eleitoral, que culminou com a nossa vitória consagrada no dia 15.”

Leia a seguir a íntegra do documento.

Carta-compromisso com o cidadão

Cerimônia de transferência do cargo pelo ex-prefeito Ronaldo Magalhães ao novo prefeito Marco Antônio Lage na Prefeitura de Itabira (Foto: Divulgação)

O protocolo denomina este ato de discurso de posse. Tratamo-lo de carta de compromisso. Propomos que cada filho de Itabira, de nascença e coração, adote esta carta como se fosse um documento particular, guia de ações,  segurança sobre os nossos atos enquanto estivermos ocupando a representação de todos como prefeito de nossa terra.

Inauguramos a campanha deste Novo Marco para Itabira com a carta ao itabirano. Vamos recordar.

Em meu primeiro ato de governo, neste momento em que tomamos posse da responsabilidade que nos foi confiada, leio aos senhores a segunda carta ao itabirano, chamada de documento de compromisso com o cidadão.

Vamos pontuar seu direcionamento para que, caso alguém queira, possa copiar, guardar, conferir e, se necessário, cobrar. Afirmamos que jamais sairemos dos trilhos aqui traçados, pois foram nossas conversas mantidas durante toda a trajetória em busca da vitória consagrada no dia 15 de novembro passado as geradoras desta carta.

Mas antes de ler eu chamarei aqui, para estar ao meu lado neste momento tão importante de minha vida, aquela que sempre está ao meu lado. Minha companheira, minha amiga, uma guerreira única, incansável e exemplar. Atenta como uma coruja, linda como uma gata e inteligente como uma mulher. É verdade que ela seria perfeita se não fosse brava como um cão.

A carta:

Querida Itabira,

Entramos nas páginas de sua relevante história como um filho que ama a mãe e honra o pai. Somos seu fruto de ferro e sangue.

Voltamos sem nunca termos partido, para fazer história. E vamos escrever cada linha junto do povo que entendeu as propostas e, em muitos e muitos casos, sugeriu e até corrigiu os rumos aqui delineados.

Aqui está, portanto, o sentimento popular, captado com relativa facilidade, pois que este mesmo povo, inicialmente, mostrava suas queixas e seus sonhos. Era uma agregação intensa e contínua de eleitores interagindo, tanto pessoalmente nas caminhadas por toda cidade, quanto em redes sociais, principalmente nas dezenas de “lives” que circularam na internet e desenrolaram-se com a nossa participação.

Na ficção sabemos que todo enredo baseia-se na guerra entre o vilão e o mocinho. Mas os faroestes e os quadrinhos que nos perdoem. Quando crescemos e deixamos de ser menino, entendemos finalmente que o maniqueísmo é uma ilusão. Em política, então, nem se fala!

Vimos vilões entre mocinhos. Vimos mocinhos escondendo vilões. Vimos uns que até hoje não sabemos se são heróis ou malandros. Mas o tempo sempre cuidou-se de revelar a façanha e a função de cada um. Não será diferente aqui.

Além disso, não existem superpoderes, nem efeitos especiais que possam garantir a vitória de um coração valente com compromissos sociais e coletivos contra um perverso grupo egoísta de interesses pessoais e mesquinhos.

Nisto se resumiu o quadro que vivemos, enfrentamos com destemor e transferimos a responsabilidade desta vitória aos 33.141 itabiranos esperançosos por honestidade, justiça e competência que votaram em nós.

Por causa disso, relevo um fato e o sustento: que as únicas armas que levam ao sucesso uma boa intenção se chamam força de trabalho e honestidade. Com muita tranquilidade, reafirmamos: temos os dois. De sobra. Por herança, educação, formação e treinamento prático, graças a Deus!

Trabalhar com honestidade por Itabira. É este o motivo de aqui estar. Gerir os recursos que pertencem à população e a ela precisam ser entregues em forma de educação, saúde e infraestrutura para o desenvolvimento pleno e sustentável deste município e seus dois distritos.

Compromisso número 1:

COMUNICAÇÃO CLARA

Nada iremos esconder de quem quer que seja. O prefeito estará constantemente em contato com a imprensa e abrindo “lives” no canal da Prefeitura para conversar com o povo. O principal ouvidor da Prefeitura é o prefeito. É ele quem deve estar atento e ciente do que acontece com seu povo.

Além do ouvidor, o prefeito será também o  principal porta-voz. Estaremos sempre nos pronunciando e comunicando tudo ao povo que é merecedor de satisfações e total transparência daquilo que a ele pertence: a cidade.

Queremos ouvir cada pessoa e prestar contas por meio de um canal verdadeiramente eficiente, em que os problemas serão expostos e as ideias debatidas à luz da dialética.

Itabira requer, desde tempos remotos da chegada dos ingleses, que compraram as minas, como diriam os críticos da época, como Tutu Caramujo, por “preço de banana”, a coragem de seus filhos.

A nossa comunicação com todos  fará com que este itabirano sinta que o seu governo tem momentos de cabeça baixa para pensar, mas é preciso que se levante e suba a voz para garantir que não somos mais, nem o governo nem o povo por ele dirigido, dominados pela intensa conformação de imposições.

Fim da mesmice! Este é um compromisso inicial e irrevogável. Como disse Cazuza, não vamos mais sobrar de vítimas das circunstâncias.

Compromisso número 2

COMPETÊNCIAS TÉCNICAS

“Aprende teu ofício e envelhece nele.” (Eclesiásticos 11, 21)

Só ocuparão cargos pessoas com experiência no ofício de competência da função. Funcionários de carreira e cargos comissionados serão cobrados por suas entregas e seus compromissos com produtividade e excelência.

Estão todos sob contrato de experiência de 100 dias. Quem não provar que está à altura da envergadura exigida pelo cargo será substituído. Isso se chama excelência, rigor e profissionalismo.

Esta não é uma regra então seguida, porque alguém da história itabirana teria que chegar e dar um basta ao doentio cabide de empregos que foi criado não apenas para atrapalhar o ritmo de governo, mas para também denigrir a sua imagem.

Caso surja alguém para nos provar que incompetência gera negócios promissores, voltaríamos à velha prática da política. Mas não acreditamos nesta probabilidade, não ocorrerá em nosso governo, o povo não deseja mais andar para trás.

Adiantamos também que vamos revisar o quadro de servidores que se julga injustiçado e que a Prefeitura os relega a um patamar inacreditavelmente, muitas vezes até abaixo do salário mínimo. Vamos encarar esta situação com a necessária coragem e decisiva.

Compromisso número 3:

CORRUPÇÃO: TOLERÂNCIA ZERO

A desconfiança sairá dos andares da Prefeitura e das conversas de todos os cantos da cidade. Teremos meios de deter toda e qualquer consumação de atos ilícitos. Usaremos de todos os recursos. Nenhum centavo sairá dos cofres da Prefeitura para as mãos de mal-intencionados.

E, desde já, contamos com o apoio  e  a  participação de todos os munícipes para sustentar esta importante decisão de combater o mal pela raiz. É uma tarefa hercúlea, considerando o estágio a que chegamos. Houve descuidos inconscientes. Mas este é um aviso fatal e final: BASTA!

Compromisso número 4:

EMPREGO: PRIORIDADE PARA O DESENVOLVIMENTO

O momento é difícil, a Prefeitura não pode e nem deve admitir todos os desempregados de Itabira destes instantes cada vez mais cruciais. Vamos desenvolver ideias, juntar-nos a associações, como Acita, CDL, clubes de serviço, sindicatos e entidades comunitárias e trabalhar para o armazenamento de uma série de propostas que possam gerar resultados. Contamos com a união da sociedade civil organizada de Itabira também para encarar este desafio.

Criaremos novas propostas que virão com a implantação do Parque Tecnológico, cujo progresso foi detido por algum descuido. Contamos com a Unifei como protagonista deste processo.

Também fortaleceremos a parceria com instituições respeitadas, como o Sebrae e mesmo outras escolas profissionalizantes que existem na cidade. Um aviso a todos: aqui nasce um novo governo, com novas visões e ideias, disposto a democratizar-se também para que cresça a participação de todos.

Sabemos de nossos compromissos. Nem pensem que Itabira continuará sendo a mesma. Tudo à nossa volta ficará mais bonito, mais ético e mais limpo. Eu disse TUDO!

Compromisso número 5:

COMBATE À POBREZA

Não vamos afastar-nos em momento algum dos desafios das famílias que lutam contra a fome e a miséria. A Secretaria de Ação Social terá um forte esquema para executar este trabalho, sempre procurando melhorar a sua atuação em favor daqueles que sofrem.

Não haverá em Itabira uma só família que fique desamparada. Neste momento, convocamos todos os seres de bem para esta arrancada integral: vamos contribuir cada um como puder e, mesmo sem posses para distribuir, todos os caridosos terão espaços abertos para saber a que endereço encaminhar uma família que sofre por escassez do básico. Solidariedade, generosidade e união.

Quando Poder Público, iniciativa privada e terceiro setor se unem, coisas maravilhosas nascem. O que quero dizer é: Vamos juntos!

Deus estará sempre retribuindo quem entender esta convocação.

Compromisso número 6:

ESPORTE E LAZER: TRABALHO PARA TODOS

Estaremos atentos ao trabalho da Secretaria que cuidará das necessidades de nossos jovens principalmente, e  também inclui, no seu bojo, a terceira idade.

Teremos um trabalho intenso voltado para o ser humano que se estende a todas faixas etárias: crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos.

Uma nova secretaria não será, obviamente, um lugar a ser administrado com diversão, brincadeiras e outras impressões que muitos admitem ser da alçada de esporte e lazer. Aqui falamos do que é sério para atingir, sim, a necessidade de saúde do corpo e da mente de todos e o lazer é indispensável à vida.

Será dada atenção a quem chega ao mundo com a missão divina de viver. O tempo se estende da infância, em que a criança precisa preparar-se para a vida com visão otimista do futuro.

A adolescência é uma época difícil de ser enfrentada. E não pode ser mais apenas um portal por onde entram as drogas e a gravidez precoce. Adolescentes precisam de atenção e respeito.

Secretarias de Esporte, Ação Social, Educação e Cultura irão trabalhar arduamente juntas nesta missão.

Para a terceira idade nem sempre há preparação adequada para tal momento crucial. Onde está o reflexo do trabalho feito durante a vida?

O nosso compromisso é preparar da infância para ir acima da terceira idade como cidadão. Vamos injetar ânimo sempre, apoio não faltará.

Compromisso número 7:

EDUCAÇÃO E CULTURA: MOLAS-MESTRAS

A Educação começa no berço.

A Prefeitura tem compromisso legítimo apenas até o Ensino Fundamental. Mas, insistimos, vamos acompanhar e valorizar este ser que amamos em todos os passos de sua preciosa vida.

Educação infantil e fundamental serão prioridade absoluta deste governo. Base sólida, robusta e definitiva.

Abriremos também oportunidades para a etapa que fecha o planejamento de vida, apoiando e fazendo crescer o polo universitário.

Mas é bom frisar que na etapa do ensino médio, incluindo o profissionalizante, estaremos também presentes. Sentar à mesa com todos e discutir questões inerentes às dificuldades de cada um será nossa intensa e irrefreável obsessão. Mãos à obra!

A Cultura, embora no organograma seja alocada em outra secretaria, é uma sequência da Educação. Povo culto não é somente o que faz bonito e mantém suas tradições. Mas também aquele que sabe ver o passado e reeditá-lo.

E para esta reedição, necessitamos antes de tudo, de valorizar a nossa riqueza tradicional, seja na região rural ou na cidade. Os nossos artistas terão palco para se revelar, desenvolver-se e exibir seus talentos.

Ser um prefeito de todos os itabiranos não somente isto é o nosso dever. Mas, sim, de todas as causas também. E tudo passa pela Educação e pela Cultura, com certeza.

Compromisso número 8:

SANEAMENTO BÁSICO EM DIA

Hora de dotar Itabira do indispensável que vem faltando, assiduamente, em nossas casas, comércio e indústria: a água. Teremos que rever o documento assinado com a Vale e ver se, realmente, como foi falado durante a campanha, se é esta a solução mais prática e rápida para Itabira.

Não queremos instalar sistema de água com bombeamento das fontes, que encareça sobremaneira o custo para o consumidor. E precisamos encontrar o meio mais rápido de resolver este terrível e vergonhoso problema.

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) necessita ser reforçado e valorizado na competência de seu corpo técnico. Falemos então da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), que se encontra aquém de sua potencialidade, mesmo sendo grande propulsora do desenvolvimento social e atração de grandes empresas.

Que culpa têm os rios das bacias do Piracicaba, Santo Antônio, Rio Doce e o oceano Atlântico que voltaram a receber sobrecargas imensas de detritos poluidores, quando antes se eram puros no advento da ETE? Despreza-se uma solução para o desenvolvimento humano em troca de qual benefício? Basta.

A questão do lixo é séria. Precisamos ver o que é preciso fazer para evitar a falência completa da Itaurb, uma empresa que já deu inúmeros prêmios nacionais a Itabira. Capina, limpeza, coleta e tratamento são prioridades indiscutíveis para as nossas providências.

E a imensa dívida que a valorosa empresa está deixando. Qual é a causa? Qual seria o motivo de sua constante caminhada para trás? Não vou esperar este avião despencar no chão para abrir sua caixa preta.

Muitas famílias que estavam dentro deste voo perderam seu sustento por motivos que até hoje não entendemos. Mas corrigir esta aeronave em voo será o maior desafio do capitão que escolhemos para este feito.

Compromisso número 9:

AGRICULTURA E ABASTECIMENTO

Muito antes da mineração do ouro e do minério de ferro, Itabira começou sua caminhada no campo. A nossa origem passou pelas capitanias hereditárias que foram entregues a notáveis bandeirantes do século XVIII.

O início foi na histórica Fazenda das Cobras, em Senhora do Carmo. Em seguida, a velha Aliança, hoje Ipoema, destacou-se  no apoio à Estrada Real. Não podemos desprezar o nosso passado de progresso, que revelou que somos originários de terras férteis, cuidadas pela mão de obra incansável do trabalho eminentemente rural.

Para prosseguir a sinalização emitida pelos nossos ancestrais, vamos fornecer apoio incondicional ao homem do campo, seja ele pequeno, médio ou grande. Estudar junto dele o que melhor o atenda para abastecer prioritariamente o Banco de Alimentos de Itabira e Região do Médio Piracicaba até as demandas externas.

Fortalecer a Feira Livre fixa e a itinerante. Ter um canal para receber todas as reivindicações geradas pelos que lidam na roça e para atendimento, também, ao povo da cidade.

Haverá entusiasmo dos nossos auxiliares que comandarão este setor importante do governo. Nossa convocação neste instante não é somente a eles que já estão cientes de que este governo entra para colocar Itabira nos trilhos certos, mas de todos os itabiranos, principalmente o homem do campo. Vamos consumir alimentos de nossa terra, incentivar o pequeno produtor e acelerar seus negócios.

Compromisso número 10:

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E TURISMO

Grande foco de nossa campanha eleitoral, o futuro de Itabira depende mais do que nunca da diversificação econômica. Desenvolveremos importante papel junto à Vale na busca de entendimentos para esta questão.

E, paralelamente, estaremos atentos às programações estabelecidas pela comunidade por meio do canal que pretendemos criar. Parque Tecnológico, Porto Seco e outras propostas serão colocadas na mesa. E vamos prestar constante atenção aos desafios.

Em 2028, a competente e internacional empresa, nascida em Itabira, a Vale, não faltará com os seus compromissos e o mais importante não abandonará este e jamais nos deixará como viajantes de uma nau sem rumo. Isto nunca ocorrerá, compromisso nosso assinado e reconhecida a devida firma.

Itabira de há muito está estagnada. Há causas diversas e uma delas sempre foi a falta de infraestrutura em questões minimamente básicas. Inacreditável que tenha se falado em diversificação da economia durante tanto tempo sem tocar no eixo da questão.

Já focalizamos o desafio da falta de água e deixaremos para qualquer leigo responder: onde já se viu progredir a implantação de empreendimentos econômicos com as torneiras secas?

Ligado ao Desenvolvimento Econômico, é importante valorizar  também o Turismo  para que não só capte investimentos na forma de atrair turistas, como, paralelamente, torne  adequados os equipamentos que o sustentam e, assim, valoriza o empreendedor e a população de modo geral.

Por exemplo, vamos conversar com a Vale sobre suas barragens de rejeito e buscar uma solução porque, evidentemente, uma cidade ilhada por lamas não está nos planos nem para atrair investimentos, nem pode ser palco do Turismo evoluído.

Vamos além, fazendo do limão uma limonada, assumiremos as marcas da mineração como um atrativo turístico e educativo, idealizando o maior museu da mineração à céu aberto do mundo, com total segurança e compromisso sustentável com suas barragens. O Meio Ambiente é a chave que abrirá a valorização da atividade minerária em definitivo por todo Brasil.

Compromisso número 11:

ITABIRA: CIDADE-POLO

Diante desta exposição de compromissos consumados entre nós e os itabiranos, precisamos inserir uma nova atividade que o tempo e as circunstâncias requerem: de há muito o mandatário de Itabira precisa, claramente, assumir a sua condição de líder regional.

Temos dezenas de municípios ao nosso redor, os quais contribuem e ao mesmo tempo requerem, ou já usam, a nossa vocação natural proveniente do fator cidade-polo.

Vamos listar toda a região de influência, convocar cada um de seus representantes a virem juntar-se a nós para uma parceria inédita na busca de nosso futuro.

Não podemos, jamais, fugir deste compromisso, desde muito Itabira é o centro educacional, cultural, de saúde e de desenvolvimento. Não há crescimento isolado, precisamos fortalecer a região com os nossos recursos de apoio e o que for possível, para que cresçamos unidos.

A própria Vale, em seu decreto de criação, em 1942, não economizou o anúncio do crescimento de si própria ligado a uma reserva denominada Fundo de Melhoramento e Desenvolvimento da Região do Vale do Rio Doce, que durou enquanto existiu a empresa estatal. Com a privatização, não se acordou para o vácuo aberto entre os municípios da região de influência e o seu principal foco de distribuição de riquezas.

Agora, Itabira deve tomar as rédeas e associar-se aos municípios ao seu redor para a luta por um desenvolvimento não somente sustentável mas, principalmente, social.  E, assim, firmamos o nosso compromisso, sem medo, ou melhor, com coragem desbravada.

Compromisso número 12:

IGUALDADE DE GÊNERO E IGUALDADE RACIAL

Casado com uma feminista, Raquell Guimarães e filho de uma preta muito linda, Eunice Figueiredo Lage, a quem homenageio de forma especial, por ser a mulher mais doce da Terra, afirmamos aqui que esta cidade será o maior polo de trabalho cooperativista feminino do Brasil.

Itabira não esquecerá por um único dia que a maioria de seus cidadãos são pardos ou pretos. Queremos respeito às nossas origens e valorização da cultura que é nossa.

Por fim, antes de encerrar, considero indispensável fazermos referência à pandemia que durou praticamente o ano de 2020 e nos oferece um infinito de desafios.

Temos um plano estratégico para estes momentos. A Covid-19 terá um grande inimigo que se chama Marco Antônio Lage, a partir de agora prefeito de Itabira, conterrâneo de grandes médicos, farmacêuticos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, e acostumados com crises. Vamos derrotar este inimigo insolente e perturbador.

Precisamos agora, mais do que nunca, canalizar a nossa atenção para este problema que aflige todos os itabiranos e mesmo os municípios da região para que superemos este momento difícil, cujas causas não foram combatidas e que agora nos é devido tomar a dianteira.

Para encerrar, cabe agora fechar com chave de ouro nossos  compromissos e queremos destacar o seguinte: em homenagem à medicina itabirana, à saúde de nosso povo, ao nosso desenvolvimento social indispensável,  é-nos incumbido  enaltecer e proclamar este momento solenemente com a pompa que ele merece. Peço licença para pedir que todos se levantem, mesmo que estejam em casa, por favor.

Enalteceremos agora um grande bicentenário neste ano de 2021.

Vamos declarar 2021 como Ano Municipal do Centenário do bispo Dom Mário Teixeira Gurgel, figura inesquecível da memória itabirana, não só como religioso, mas dedicado também à educação e à saúde, esta por longos anos como provedor do Hospital Nossa Senhora das Dores.

E também Ano Municipal de Doutor Colombo Portocarrero de Alvarenga, que nos envaidece por estar em pleno estado de lucidez e muita disposição, mostrando-nos o caminho mais clareado para seguirmos à frente.

Vamos proclamar agora, já como prefeito empossado de Itabira, os dois primeiros projetos de  lei municipal, que  envio à Câmara Municipal para apreciação e aprovação.

Esta atitude muito nos honra e emociona ao fazê-lo. Neste momento, antecipando à certeza que tenho da aprovação pelos nobres vereadores, declaramos 2021 como Ano Municipal do Centenário de Doutor Colombo Portocarrero de Alvarenga.

Temos imensa satisfação em ser a fonte deste ineditismo hoje  evidente e pedimos  aos vereadores que caminhem conosco nesta nossa iniciativa de reconhecer este patrimônio humano, vivo, lúcido, brilhante e gozando de muita saúde, chamado Dr. Colombo,  que não somente se tornou baluarte da medicina,  mas também  se destaca como exemplo vivo e inquestionável dos valores de nossa terra.

A oficialização do ano começa na promulgação da lei e, depois, na regulamentação por decreto, mas consideramos que ocorre agora já de forma simbólica.

A data de seus 100 anos bem-vividos e dedicados à saúde de nosso povo  ocorrerá em 17 de junho de 2021. Vamos trabalhar durante todo o ano para a saúde inspirados nos exemplos incontestes deste nosso herói de verdade, de carne e osso, alma divina abençoada por Deus.

Temos algo a dizer antes de partir para o instante que guardo como mais valioso para marcar estas nossas longas palavras. O começo de nosso governo.

Aqui estou para repetir em tom bem audível, escrever com clareza, que não me afastarei de meus propósitos nem que custe um sacrifício de grandes proporções.

Honrarei os sonhos e as vontades de nossos antepassados, os sonhos de minha esposa, uma mulher que luta contra injustiças desde que nasceu. Também honrarei meus cinco filhos, Roberto, Bernardo, Breno, José e João Francisco.  Assim como os meus 11 irmãos: Maria, Angela, Eduardo, Socorro, Willian, Eliane, Edilene, Geraldo, Hamilton, Rosane e Maísa.

Honrarei meu pai, que depois de deixar o legado que deixou, sonhou fazer seu sucessor. Com muita humildade, Sr Harcy, aqui estou eu, seu filho, Marco Antônio, por Itabira, por Minas Gerais, pelo Brasil e por um planeta Terra sustentável. Peço a sua bênção.

A mão de Deus com absoluta certeza entrou para valer nesta história que aqui nos trouxe, das dificuldades iniciais o início da luta; do enfrentamento do poder econômico sem medidas às nossas fortes convicções; da nefasta tentativa de deter esta chegada a esta concretização à vitória alcançada – tudo isto mostra que continuará sendo possível, não haverá força maligna que detenha a vontade superior.

E foi esta palma divina com seu dedo indicador que apontou para nós e disse: “Sois vós, Marcos Antônios, Lage e Gomes, vós mesmo, Marcos, irão reconstruir a terra que tanto sofreu e que agora irá mudar de rumo; estarei convosco, podes crer.”

Quem sou eu para colocar palavras na boca do Criador. Quem fez a tradução desta voz foi a conspiração de fatos favoráveis e memoráveis que nos garantiram a vitória em dia 15 de novembro. Obrigado, Senhor.

Deus está conosco. Ele está aqui neste momento. Ele olha por Itabira e cada um de seus filhos.

Em nome de cada itabirano,

Tenho o dito.

Marco Antônio Lage, o prefeito de Itabira

 

 

 

Compartilhe.

Sobre o Autor

2 Comentários

  1. Mauro Andrade Moura on

    Espero que o novo prefeito e o secretariado estejam trabalhando efetivamente e não desfrutando do feriado prolongado de início de ano.

  2. Também espero que estejam trabalhando, como exemplo de outros prefeitos eleitos e seus secretários, que se reuniram no dia 31 para buscar propostas de compras de vacinas.
    Discursos extensos para tempo de pandemia. Se as palvras se concretizarem em atitudes, valerá. Estamos aguardando e se preciso for, vamos cobrar sim.

Deixe um comentário