Confeitaria Amado, espaço do prazer gustativo e olfativo

2
Compartilhe.

PATROCINADO

Aberta há um ano, a Confeitaria Amado oferece aos seus clientes o resgate do clima gostoso e aconchegante guardado na memória olfativa e gustativa dos tempos da vovó. Todas essas lembranças estão reunidas – e podem ser saboreadas no pequeno e simpático espaço onde se encontra localizada, no bairro Pará, pertinho do INSS.

Bolo de mexerica

Lá, tudo é especialmente preparado para que todos sintam e vivam essas reminiscências, servindo-se de um café fresco, moído na hora, com bolos diferenciados pela arte do preparo. “Oferecemos um local de convivência em volta da mesa, um espaço bem mineiro”, acentua a proprietária Aguilay Silveira.

Para que todo esse clima ocorra, a confeitaria oferece ótimas lembranças por meio de receitas antigas, como um bolo de fubá, ou com raspa de limão da roça. É assim que o olfato sensível e exigente certamente se fartará com o cheiro bom de um café preparado na hora.

São variedades de cafés gourmets, selecionados e maduros, colhidos manualmente em fazendas do Sul de Minas, da Zona da Mata e do Cerrado mineiro. “Servimos o café arábico com alta pontuação e rígido controle de qualidade.”

Café servido como antigamente se oferecia aos convidados nas fazendas e no interior de Minas Gerais, acompanhado de quitandas, bolos e outras guloseimas preparados com cuidado.

“É possível viajar quando se vem à mente as lembranças de um tempo que parecia perdido, valorizando todos os sentidos”, diz Aguilay, que enumera o comer com os olhos, para depois saborear, sentindo a textura dos alimentos.

Além de oferecer doces antigos como o quindim, que faz parte da infância de muitos, o cliente pode saborear desde um brownie, ou um bolo de mexerica, um amor em pedaços, ou suspiros dobrados de amor sem fim.

Outra proposta da confeitaria é brincar com os sabores de outras terras, como as culinárias italiana e francesa, com a oferta periódica de pratos típicos em seu flexível cardápio: tiramissu, crème brûlée são algumas das delícias já saboreadas pelos clientes da confeitaria.

Sabores drummondianos

No aniversário de nascimento de Drummond, a sua memória foi revisitada por meio de quitandas e doces citados nos poemas O Tabuleiro e O país do açúcar. São os molengos figos nas compoteiras, os pudins, o branco do pastel de nata, provando que arte e culinária se misturam e combinam na forma de deliciosos sabores da terra.

Outros serviços

Além de oferecer tudo isso em seu endereço, a Confeitaria Amado serve também café com bolos e quitandas em domicílio, sem limite de participantes.

O serviço tem sido bastante procurado pelo cliente que irá receber uma visita, ou reunir pessoas ao redor da mesa nos intervalos de uma reunião de negócio, ou ainda, equipes de trabalho.

A confeitaria aceita também encomendas de bolos para festas de casamento, aniversário ou para presentear alguém. Cesta de café da manhã é outro serviço muito requisitado, servida com o requinte do sabor que a confeitaria oferece.

Endereço

Rua Padre Ângelo, 38 – bairro Pará – Fone:

Funcionamento

De segunda a sexta-feira no horário de 9 às 19h.

E aos sábados, de 9h às 14h.

 

Sobre o Autor

2 Comentários

Deixe um comentário