Campeonato mineiro tem início nesta semana com estreia do Coimbra, que promete reunir juventude com qualidade técnica 

0
Compartilhe.

Luiz Linhares*

Chega a segunda quinzena de janeiro e temos a volta do futebol com os campeonatos estaduais a partir desta semana que se inicia.

Nós, mineiros, mais uma vez iremos acompanhar o campeonato Estadual que já, há muitos anos, é ditado pela dupla Atlético e Cruzeiro – e às vezes com a participação do América.

Apesar dos pesares não vejo como ser diferente neste ano. O interior tem tido, nos últimos anos, ligeira queda de recursos e times formados de nível bem mediano. E, que, por si, não conseguem se impor ou se colocar à frente nos principais do estado.

De novidade temos o “debute” do Coimbra, time pertencente ao grupo BMG e que vai buscar o destaque entre as forças estaduais, pela sua estrutura e padrão de trabalho. Promete juventude e qualidade. Com certeza irá buscar uma classificação que possa garantir participação na terceira série do futebol brasileiro no segundo semestre.

Torcedor do Atlético aguarda por um novo padrão de jogo com o técnico Dudamel                       

Atlético ainda busca mais reforços mas já estreia com novidades (Foto: Uarlen Valério). No destaque, o time do Coimbra, campeão da série B do Mineiro no ano passado (Foto: João Guilherme/HojeEmDia)

O Atlético estreia nesta terça-feira (21), às 21h30, contra o Uberlândia, no Parque dos Sabiás, na aprazível cidade do Triângulo Mineiro. Será a primeira apresentação do Galo sob o comando do técnico venezuelano Dudamel.

Espera-se que já consiga mostrar um padrão de jogo e um esboço do que será este time no ano. Certo é que o novo técnico também estuda e analisa o grupo. E mesmo com pouco tempo de trabalho, já deve sentir quem é quem para aquela análise correta de grupo.

Assim vejo o Atlético que inicia o campeonato Mineiro, sem esquecer que chega também a hora de se acertar para enfrentar os argentinos do Santa Fé, pela Copa Sul americana, que já vem rapidamente bater à porta.

Em campo já estarão na estreia o zagueiro Gabriel, o lateral Mailton, o volante Allan, o meia Hyoran, que são novidades já apresentadas. Certamente esse é o primeiro esboço do time do ano.

Claro que muitas mudanças ainda podem ocorrer de olho no mercado e em atletas que certamente irão fortalecer o time. Para o torcedor, fica a confiança – e esperança – de um ano vencedor.

Cruzeiro inicia novo ciclo em busca de recuperação com os pés no chão

Com os pés no chão, Cruzeiro vive novo ciclo em busca da recuperação (Foto: Divulgação)

Diante de inúmeras incertezas, o Cruzeiro começa na quarta-feira (22) a sua caminhada no estadual contra o Boa Esporte. Será o primeiro jogo oficial do time na condição de equipe da série B do campeonato Brasileiro. É hora de iniciar um novo ciclo, uma longa trajetória para que possa recuperar uma marca vencedora.

Novo time, uma política de pés no chão e um olho direto na base, na formação de casa. Assim será o Cruzeiro que mergulha na pior crise de sua história, um clube em estado falimentar que precisa seguir sua vida e mostrar serviço.

Daí que é preciso entrar e ser forte, buscando a superação em todos os sentidos. E assim escrever uma nova historia, desta vez pautada na honestidade e confiança.

Nada a comemorar, mas com muitas ações e atitudes que precisam ser tomadas, com uma política de pés no chão, pautada em grupo gestor forte de trabalho e ideias, é o que espera – e merece – o torcedor.

E que se apresenta com um novo plano de sócio torcedor, pedindo a ajuda de todos, jogo aberto para juntos salvarem esta agremiação quase centenária. O que mais importa é vencer com o que se tem de momento, além de buscar forças onde ela se encontre para ir superando um mundo de obstáculos que se erguem pela frente.

*Luiz Linhares é diretor de Esportes da rádio Itabira-AM

Sobre o Autor

Deixe um comentário