Câmara deve assinar nos próximos dias convênio para ter posto de emissão de carteira de identidade

WhatsApp Pinterest LinkedIn +

As dificuldades que os cidadãos itabiranos e da região enfrentam para obter carteira de identidade em Itabira, que até então só conta com um posto de atendimento na Delegacia da Polícia Civil, na avenida Carlos Drummond de Andrade, podem estar com os dias contados.

É que a Câmara Municipal deve assinar, em breve, convênio com a Secretaria de Segurança Pública de Minas Gerais para que seja instalada, em suas dependências, mais um posto de identificação na cidade.

Para isso, o vereador Heraldo Noronha (PTB), presidente da Câmara, já assinou um acordo de cooperação. E deve assinar nos próximos dias um convênio de cooperação técnica e administrativa com a Secretaria de Estado de Segurança Pública de Minas Gerais, na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

Vereador Agnaldo “Enfermeiro” é autor do requerimento para a Câmara ter o posto de atendimento (Fotos: Carlos e Reprodução)

A instalação do novo posto de identificação atende a um requerimento do vereador Agnaldo “Enfermeiro” Vieira Gomes (PRTB), que desde o ano passado vem fazendo gestão para que essa “conquista” vire realidade nas dependências do legislativo itabirano.

Só após a assinatura do convênio é que terá início o treinamento dos servidores e estagiários pelo Instituto de Identificação da Polícia Civil, em Belo Horizonte.

Com mais essa opção de atendimento para quem busca obter a carteira, ou renovar a já existente, a expectativa é não ter mais filas de atendimento, além de reduzir o tempo de emissão da carteira. Atualmente, esse tempo chega ser superior a 30 dias.

“O cidadão tem o direito de obter a identificação com celeridade e não pode perder tempo na fila”, afirma o vereador Agnaldo “Enfermeiro”. Ele espera que ainda neste semestre o novo posto de identificação esteja instalado. “As dificuldades burocráticas já foram praticamente vencidas. Dando tudo certo, o posto será instalado ao lado do plenarinho da Câmara.”

Agendamento

Para obter o documento de identidade pelo posto da Câmara, o candidato terá que agendar o atendimento – e assim não ter que enfrentar fila. O delegado regional da Polícia Civil, Helton Cota Lopes, disse que irá ver a possibilidade de a mesma pessoa que for encarregada de fazer o agendamento para o atendimento na Câmara, faça o mesmo procedimento em relação ao posto da Polícia Civil.

“O agendamento prévio dará tranquilidade e segurança ao cidadão, que deixa assim de ficar na fila”, acredita o delegado regional. Pelas suas contas, com o novo posto será factível dobrar o número de emissão de carteiras de identidade na cidade. Atualmente, são emitidas diariamente em torno de 22 novos documentos. “Será um importante ganho para o cidadão.”

Infraestrutura

Além de ceder equipamentos e funcionários, a Câmara arcará com as demais despesas para o funcionamento do posto de atendimento. Ao Estado, no caso, a Polícia Civil, caberá fornecer a cédula de identidade – e as fichas datiloscópicas necessárias para a identificação.

“A expectativa é acabar com essa triste situação de ver gente dormindo na fila para obter senhas, que são limitadas, para ser atendido. E também esperamos acabar com as idas a João Monlevade para quem precisa obter a carteira de identidade com mais celeridade ”, salienta o vereador, comemorando o que considera uma conquista cidadã e política para a população itabirana e da região.

Compartilhe.

Sobre o Autor

1 comentário

  1. Pingback: Posto de Emissão de Carteira de Identidade instalado na Câmara de Itabira começa a funcionar nesta semana - Vila de Utopia

Deixe um comentário