Agendamento telefônico para emissão de carteira de identidade é suspenso até que se instale novo posto na Câmara Municipal

0
Compartilhe.

O delegado regional da Polícia Civil de Minas Gerais, Helton Cota Lopes, tem uma notícia boa e outra nem tanto, pelo fim da novidade que agradou, por parecer se tratar de medida para agilizar a emissão de carteira de identidade em Itabira.

A boa notícia é que está confirmada, para as próximas semanas. a realização do curso de Identificador para os funcionários designados para atuar no posto a ser instalado na Câmara Municipal. O curso será realizado em Belo Horizonte e os funcionários já foram indicados.

A participação dos funcionários nesse curso é pré-requisito para que seja instalado o novo posto de identificação nas dependências do legislativo itabirano. Para isso, o vereador Heraldo Noronha (PTB), presidente da Câmara, já assinou convênio de cooperação técnica e administrativa.

Com o novo posto de identificação, a expectativa é dobrar o número de emissão de carteiras na cidade. Atualmente são confeccionados, diariamente, em torno de 22 novos documentos.

Agora, a má notícia é que o agendamento prévio, por telefone, para requerer a emissão ou renovar a carteira de identidade foi, provisoriamente, suspenso. Com isso, retorna o atendimento por ordem de chegada – e com a medida, voltam as filas a partir de setembro.

Para este mês serão mantidos os atendimentos já agendados. Segundo nota distribuída à imprensa, suspensão do agendamento por telefone se deu pela grande procura e diante dos parcos recursos humanos disponíveis para o atendimento.

São apenas três servidores do setor para atender a toda demanda da cidade e da região, com cerca de 50 solicitações diárias. Segundo as projeções, seriam necessários pelo menos cinco funcionários exclusivos para esse atendimento.

A expectativa é retornar com os agendamentos telefônicos assim que for instalado o posto de identificação na Câmara Municipal. Enquanto isso, corre-se o risco de retornar as filas pela manhã na porta da delegacia, na avenida Carlos Drummond de Andrade.

 

Sobre o Autor

Deixe um comentário